» » Carro encontrado pegando fogo com R$ 100 mil escondido no capô era de pastor da Igreja Universal

Na última semana um carro importado foi encontrado em chamas pela Polícia Rodoviária Federal do Rio de Janeiro próximo a Barra Mansa (RJ). O veículo, um Mitsubishi Airtrek, foi abandonado com cerca de R$100 mil, quando pegou fogo, no km 276 da Rodovia Presidente Dutra, que liga Rio a São Paulo. Nessa semana, a polícia identificou um pastor evangélico como proprietário do carro.
De acordo com a polícia, cerca de R$ 100 mil foram encontrados escondidos no compartimento do motor do veículo, dentro de um saco de ração animal. Inicialmente a polícia acreditou se tratar de dinheiro oriundo do tráfico de drogas, por terem sido encontradas cédulas de R$ 2, R$ 5, e R$ 50. Porém, agora, a polícia identificou José Rodrigo da Costa, pastor da Igreja Universal do Reino de Deus, como proprietário do veículo.

O carro havia sido comprado no dia anterior, em dinheiro, em uma revendedora de veículos localizada no bairro da Freguesia do Ó, na capital paulista. O pastor foi identificado como o comprador pelo comerciante Emerson Pereira, de 32 anos, dono da revendedora. Como a compra era recente, a transferência de propriedade ainda não tinha sido providenciada.
Pereira disse ao radialista Tico Balanço, da Rádio Sul Fluminense que havia vendido o carro ao pastor no dia 30, e que ele havia afirmado que viajaria no outro dia para o Rio, onde, com dinheiro do dízimo dos fiéis, ia montar uma igreja.
por: Por Dan Martins
via:gospelmais

About Baixada na Rede

Hi there! I am Hung Duy and I am a true enthusiast in the areas of SEO and web design. In my personal life I spend time on photography, mountain climbing, snorkeling and dirt bike riding.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply

ATENÇÃO: Este comentário será moderado, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Baixada Na Rede. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser excluídos em 3 dias pelos nossos moderadores.